X

Médico cristão é preso em Cuba

Na última vez que vimos Oscar, ele tinha uma grande paz interior e um sorriso nos lábios, com seu coração cheio de amor...

Oscar Elias Biscet, médico influente, tornou-se um cristão oponente ao governo cubano. Por causa disso está preso. A família dele está muito preocupada, pois na última vez que o viram ele estava com hipertensão, gastrite crônica, colesterol alto e não pode alimentar-se com comida trazida pela família. Em razão disso a família de Oscar resolveu protestar em favor de sua liberdade, devido a preocupações com a saúde do médico e com as novas leis de prisão. “Na última vez que vimos Oscar, ele tinha uma grande paz interior e um sorriso nos lábios, com seu coração cheio de amor. Ele disse que estava se sentindo bem, apesar de estar muito magro e da pressão alta”. Sua família se preocupa com a possibilidade da situação piorar. A direção da prisão del Este, em Havana se recusa a lhe conceder privilégios. O número de visitas da família tem sido reduzido, desde então. Em vez de ser a cada 45 dias, as visitas acontecem a cada quatro meses, com duas horas de duração. Além disso, sempre falta água na cela em que ele está e ele não tem licença para sair à luz do sol diariamente... Ele só pode sair a cada 8 ou 10 dias. Oscar tornou-se conhecido por ser um médico cristão, que luta contra o aborto e pena de morte, bem como contra o regime comunista. Ele foi sentenciado a 25 anos de prisão no dia 7 de abril de 2003, durante uma opressão contra os ativistas em toda a ilha de Cuba. Ainda segundo a família de Oscar as orações dos cristãos tem dado forças para que ele sobreviva às difíceis condições de vida. Eles ainda pedem para que seja levantado um clamor em todo mundo pedindo em favor de Oscar.

Primeiro fazemos nossos hábitos, depois nossos hábitos nos fazem.

John Dryden

mais frases

Powered by Genesis Digital